quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Novamente Santa Catarina...

A maioria já deve estar sabendo do estrago feito em Santa Catarina pelo vendaval, realmente fiquei super assustada, na madrugada de terça feira 08/09, acordei com o som das intensas rajadas de vento e objetos caindo, batendo contra muros, acho que durou 10 minutos, mas não tive coragem nem de espiar o que se passava, o vento chegou a 70km/h.
Quando saí para trabalhar às 7h, notei que os aproximados 10 minutos foram suficientes para causar alguns estragos no meu bairro, outdoors caídos, cacos de telhas na rua, o toldo de uma verdureira havia despencado.
Conversando com colegas de trabalho, percebi que em outros bairros de Joinville o negócio tinha sido mais forte, quando vi os noticíarios da TV sobre o ocorrido no estado, constatei que o vendaval foi bem mais forte ainda em outras cidades catarinenses.



Na Avenida Visconde de Taunay, no Centro de Joinville, uma árvore de grande porte ficou com a raiz exposta após tombar sobre a calçada e a via. (Foto: Mário Duarte)

A cidade mais atingida foi Guaraciaba, na região oeste de Estado, ocorreram 4 mortes, entre elas uma menina de 9 anos, o vento foi tão forte que arrancou a menina do colo da mãe, nem posso imaginar o sofrimento desta mulher. Outras 60 pessoas ficaram feridas e foram hospitalizadas. Três permanecem internadas e duas estão na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).
A Epagri/Ciram (Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia, confirmou que os temporais em Santa Catarina foram causados por um tornado, esta confirmação foi feita com base em fotos e imagens colhidas no local. Os ventos da região chegaram a mais de 120 km/h, 16 cidades decretaram estado de emergência.
O instituto afirmou que o fenômeno foi resultado do encontro do ar mais frio com o ar mais quente que predominava em Santa Catarina (máximas de 32ºC em Itapiranga) e formou nuvens com grande desenvolvimento vertical.



Imagens do radar do Simepar (Sistema meteorógico do Paraná). Tornado que causou grandes danos ao município de Guaraciaba no Oeste Catarinense. http://www.simepar.br/

Em todo o Estado, 49 municípios foram atingidos pelas fortes chuvas e ventos ,1.163 pessoas perderam suas casas e 7.046 tiveram que deixar o local onde moravam, informou a Defesa Civil, que contabiliza 54 mil pessoas afetadas.

A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR : Este tipo de fenômeno já acontecia antes ou seria uma conseqüência do Aquecimento Global?

Segundo as Meteorologistas Gilsânia Cruz e Francine Gomes, do Setor de Previsão de Tempo e Clima - Epagri/Ciram, pode-se afirmar que o estado Santa Catarina é propício à ocorrência de fenômenos dessa natureza, em função da sua localização geográfica e orografia, recebendo influência de massas de ar tropical e extratropical durante o ano todo. E nos dias de hoje, com mais recursos disponíveis, é mais fácil de se obter registros destes fenômenos. No entanto, ainda é impreciso afirmar se a freqüência e intensidade desses eventos estão aumentando ou diminuindo por influência do aquecimento global.

O fato é que Santa Catarina tem sofrido muito com este tipo de evento, pessoas sofreram perdas emocionais e materiais, A TRAGÉDIA OCORRIDA NO FINAL DO ANO PASSADO foi traumática para os catarinenses, algumas pessoas ainda não se reestabeleceram depois de quase um ano. Em novembro de 2008, 135 pessoas morreram e duas ficaram desaparecidas com as enchentes e desmoronamentos de terra, provocado pelas chuvas intensas.

Nas últimas horas tem chovido muito ainda e nós catarinenses começamos a ficar preocupados, temendo que a história se repita ... Quem pode com a força da natureza????

Daniela Lima

6 comentários:

Mimirabolante disse...

Fiquei arrasada com o que aconteceu.......novamente Sta Catarina.....isso td é mt triste e creio que as mudanças climáticas são resultantes das agressões.....Boa sorte!Se pudesse ajudar !!!!!!!

Anônimo disse...

Olá Daniela.
Sou Priscila Guelfi do site Vivo Verde.
Obrigada por relatar o que aconteceu com você.
Tenho parentes no Paraná e em Santa Catarina também, pertinho de você em Blumenau.
O que você souber que possa me ajudar a tentar abrir os olhos do governo ou de qualquer orgão que queira esclarecer os acontecimentos por favor entre em contato comigo. pri_guelfi@yahoo.com.br
Um Abraço.

Eduardo Miguel Pardo disse...

Oi Daniela!!! ao observar os ultimos acontecimentos fico à me perguntar se não são resultantes de toda uma soma de erros e da falta de uma postura de um maior respeito de parte da sociedade que ensiste em tais erros, de fato fico muito aborrecido e me solidarizo com os Catarinenses, tomara que haja tempo para reflexões e mudanças.
Daniela obrigado e um grande beijo.

MEUS PENSAMENTOS disse...

daniela fico me perguntando se daqui alguns anos seremos igual ao estados unidos com alguns estados cheios de tornados seria possivel?bom fim de semana!

"Minhas Palavras" disse...

Eu nunca vi antes tanta desgraça por conts de chuvas e vendavais, já não temos as 4 estações do nosso páis tropical. É consequencia sim, do aquecimento global, sem dúvida, está mais do que na hora de educarmos as nossas crianças, para no futuro serem adultos responsáveis.

Beijos.

Daniela Lima disse...

Mimi,
Foi muito triste mesmo, muitos ficam com receio em afirmar que estes eventos tem ocorrido por causa das mudanças climáticas, é algo que temos que pensar e pesquisar para que possamos saber as reais causas, e se forem realmente as mudanças climáticas é mais um ponto para exigirmos as reduções mundiais das emissões de carbono na atmosfera.

Priscila,
Vi sua preocupação lá no vivo verde, realmente temos que estar em alerta, para abrir o olhos dos governantes, são necessárias pesquisas que realmente relacionem estes tornados no estado com as mudanças climáticas, caso contrário não serão tomadas atitudes!!

Eduardo,
as somas de erros são evidentes, e sim existe a falta de atitude para que ocorra a mitigação dos mesmos, fatos alarmantes estão ocorrendo, mas parece que ainda não é o bastante para que ações sejam tomadas na busca de soluções.

Meus pensamentos,
Diante de tudo que está ocorrendo, não duvido mais de nada, e sempre estive certa de que nada podemos com a força da natureza!

Sonia,
Realmente, são muitos acontecimentos, desertificação, tornados, chuvas em locais onde não eram frequentes, estações do ano?? Realmente já nao estão mais definidas... Educação ambiental é a base da sensibilização, capacitação para uma real consciência, ou seja, mudança de atitudes!!!

Obrigada a todos!!!

Related Posts with Thumbnails